Deprecated: Hook custom_css_loaded is deprecated since version jetpack-13.5! Use WordPress Custom CSS instead. O Jetpack não é mais compatível com CSS personalizado. Leia a documentação do WordPress.org para saber como aplicar estilos personalizados ao seu site: https://wordpress.org/documentation/article/styles-overview/#applying-custom-css in /home/u716753141/domains/inversivel.com/public_html/wp-includes/functions.php on line 6078
Poesificando A cada passo brotam novos insights - .inversivel
Poesificando: A cada passo brotam novos insights
Taylor Nicole/ Unsplash

A cada passo brotam novos insights

Caminho a esmo, da vida o cansar
Cinzento dia, de color verdes tons,
Da imponência arbórea estonteantes sombras.

Questiono-me se vida,
Ao triste alvorecer, acrescenta
Ou harmoniza a estrutura seu sombrear.

O sol não surge, perdido no jazigo está.
Se pelas asas da alvorada
Ao céu dos céus subir, poderia alçá-lo?

Se lhe pudesse tocar
Jayson Hinrichsen/ Unsplash

Se o tocasse o demoveria de sua decisão?
Que força exerço sob o que me atrai?
Antes o vejo mudar tempos e estações.

Continuo a andar, cortina de gélido vento
Sente a pela ser tocada a cada passo.
Estaria dia melhor além do imenso mar?

Se por fontes da terra passar,
Atravessando caudalosos rios e afluentes,
Encontraria a prima antes da Vera?

Meus passos no tempo deixam marcas,
Instantes de vida, pedaços em cada partida.
Pétala desfaz a cada novo amanhecer.

Descortinando o vento frio
Atravessa-me seu frígido gelar.
Pele branca, sede do áureo cintilar.

Embora, frio e sombrio o dia se faz,
Aqui dentro brilha um sol,
Luz da aurora de intenso fulgor.

Com o sol a aquecer
Joanna Nix-Walkup/ Unsplash

Aquece dando forças aos passos meus,
Um após outro, dia a dia,
Na constante estrada, no caminhar.

Luz que brilha mais e mais
Pelo alvorecer interno
Até que o dia se torne perfeito.

Descubro já não importar o cinza externo,
Sol que há em mim brilha dando cor e sabor
A cada inebriante tom cinza.

Vento não mais gela,
Ameniza ao tocar pele aquecida
Retendo calor, coração que pulsa.

Sol se ergue, resplandece do poente à expoente,
Do oriente até seu ocidente
Se desfazendo ao domínio dia.


#papolivre

Às vezes a gente gasta tanto tempo buscando resoluções ou respostas distantes de nós, mas a se fosse possível alcançá-las, será que íamos conseguir retê-las por tempo suficiente pra preencher todas nossas indagações e vazias incógnitas?

Independente de como estejam as coisas lá fora, mais importante é a bonança que flui dentro de nós, a luz que persiste mesmo na hora mais escura da noite, o calor que continua a aquecer nos dias frios de inverno. Saber que não precisamos de algo externo pra que as coisas fiquem bem é a melhor forma de vencer qualquer adversidade, mesmo quando tudo parece estar ruindo.

Você pode até não tocar o sol, mas também não precisa de nada além do que a luz que já brilha em você, então apenas se coloque de pé pra que todos a possam ver [Isaías 60.1]!

Ósculos e amplexos,

Mishael Mendes Assinatura
Receba histórias fresquinhas
Inscreva-se pra receber novas postagens assim que saírem do forno