Poesificando

O torpor que debruçado senti

Debruçado sobre a mesa passou o tempo, se foi o dia e muita reflexão surgiu, enquanto o vento soprava janela adentro deu-se pra pensar muito e entender bastante coisa, pelo menos foi o que me pareceu estar fazendo por todo aquele tempo em que estive ali curvado.

A percepção do tempo se altera dependendo de inúmeros fatores que fazem com que tenha uma passagem diferente. Da mesma forma nosso entendimento das coisas e daquilo que parece nos proporcionar prazer e segurança também pode mudar de forma inesperada.

O cara mais incrível que conheço

Longe de todo heroísmo e força bruta que se conta por aí, a história com papai é um pouco diferente, porém carregada de parceria e orientação que, a seu modo, sempre procurou me trazer e me fazer um homem melhor e capaz de conquistar o que fosse necessário.

Essa é minha homenagem aos pais e, como não podia deixar de ser, só posso falar daquilo que, de alguma forma, experenciei, por isso, aqui estão palavras, formas e versos do que aprendi com o cara mais incrível que conheço: meu paizão.

Ode à ti – Como a vejo e como tu és

Em meio a tanta beleza, é fácil ver a pessoa amada como mais ninguém consegue enxergar, tendo motivos pra compor poemas e canções, enquanto os sentidos são instigados e aguçados pelo perfume, sabor, toque, visões e sons do ser que merece nossa total admiração.

Enquanto qualidades saltam, tomando forma, preenchendo lacunas e se tornando versos, o coração acelera, o corpo aquece e a mente libera hormônios – que trazem prazerosas sensações, cada vez que lembramos do ser amado.

A poesia que no inverno se ocultou

Qual o significado do inverno pra você? Dentes batendo, pelos arrepiando, falta de vontade de sair da cama ou a solidão intensificando o frio?

Se costuma ter uma ideia negativa da estação, mas se a gente souber olhá-la, pode se surpreender com as belezas que se ocultam em seu brancor, escondidas dos olhos desatentos e dos corações cheios de reclamação. O que se encontra, ao contemplar a estação de forma apaixonada e cheia de gratidão, pode revelar sensações, cores, perfumes e sabores que só se experimenta quem permitia viver a poesia que no inverno se ocultou.

Tudo de bom (Esse sou eu)

Existe um imenso valor que carregamos dentro de nós, é ele que nos torna tão especiais e necessários em diferentes momentos, seja na vida dos outros, como também no cuidado com a natureza.

Podemos ser e fazer além daquilo que parece possível, chegando a realizar grandes feitos, mas muito disso só será liberado conforme a gente caminha e busca ser luz e ajudar aquele que precisa, dessa forma se desvela uma essência maior do que se podia supor e alcançar tempos atrás – quando se estava parado.

Ressignificando a ciência da fé

Um caminho desenhado pelo vento, invisível aos olhos e que a mente desconhece o trajeto e destino é o que move montanhas, paralisa tempestades, transforma as águas em passarela e impulsiona as pessoas a tomar as atitudes mais radicais e até mesmo insanas.

Pra falar de fé é preciso ressignificar conceitos, mergulhar profundamente em significados e também em ações, pois ela consiste em algo maior apenas do que a crença, trazendo força pra quem a consegue reter acima de qualquer dúvida.

Assim é a estrutura de uma mãe

Existe algo que tornam as mães blindadas, capazes de enfrentar as maiores adversidades. Ainda assim conseguem nos fazer sorrir, motivam, confortam e cuidam diariamente, mesmo quando a gente não quer – ou mesmo não está merecendo nem um pouco – até porque é difícil agir de forma contrária, já isso faz parte da essência delas.

Dessa forma, seguem cuidando, intercedendo e acreditando em nosso bem. Será que é por que são sobre-humanas?

Tudo que naquele dia senti foi poesia

Coisa mais fofa é você, é assim que começou o date que fez hormônios explodir pra tudo que é lado, culminado no melhor primeiro encontro de todos. Uma química tão intensa – beirando os limites quânticos – a ponto de criar uma atração irrevisível que despertou, desde o primeiro instante, a vontade de querer entrelaçar os dedos pra nunca mais soltar.

O resultado disso, além de despertar sensações prazerosas, rendeu um poema que nem esperou chegar em casa pra vir a luz e relembrar todos os fatos marcantes daquele dia.

Como definir o que sinto por você?

Pode ser que o que você está sentindo nesse exato momento por aquela pessoa especial seja algo mais profundo a ponto de arrancar sorrisos que não querem acabar ou suspiros que te pegam só de pensar nela – enquanto se sente diversas sensações boas.

Esse poema é um convite pra você fazer uma análise de si mesmo, de seus sentimentos e sobre a pessoa que você gosta e, se rolar alguma identificação, pode ter certeza que isso não é mera coincidência e o diagnóstico é que existe mesmo algo a mais.

Previous page Next page