Um lugar pra conhecer a profundidade das coisas

A maldade em mim

A maldade em mim

A maldade do meu coração
Se expressa em minha ações,
Escorrendo-me pelas mãos,
Pés, olhos e lábios…

De braços abertos recebi o prazer
E aninhando ali Te vi longe de mim,
Afastando-se cada vez mais
Indo pra longe, tão distante,
No ermo me perdi,

continue lendo »

Um cara totalmente apaixonado por música, se deixar ele não quer fazer nada sem uma boa trilha sonora. Amante de fotografia, livros, animais e comida boa – principalmente a da mãezona.
Criou o blog e o canal pra compartilhar sua visão inversível da vida.

Pular para a barra de ferramentas