Cume do Monte (Foi aqui que cheguei)

Às vezes precisamos tomar decisões que nos levam a escolhas difíceis e que podem resultar em um esforço grande, além de cansaço, mas quando a gente deixa de encarar a "tarefa" como algo complicado e se dispõe a fazer, pode aprender importantes lições, talvez a principal delas seja o que de bom a gente encontrou pelo caminho.

Entretanto, quando se olha, do ponto em que chegamos, pra trás é que vemos o quanto foi necessário tudo aquilo que a gente passou pra chegar até ali e como cada decisão foi importante.

Continuar lendo

Fragmentação (Me vejo em vários pedaços)

E quando a gente se encontra desfeito em inúmeros pedaços e fragmentos, todos espalhados dentro da imensa confusão e do universo que somos nós mesmos?

Continuar carregando sentimentos e absorvendo novas sensações só faz a carga aumentar e continuar impulsionando os passos pra frente se torna cada vez mais difícil, enquanto a gente se vai desaparecendo ainda mais, encontrando-se perdido dentro de quem a gente já nem sabe quem é.

Continuar lendo
Fechar Menu